Angola foi o país  que mais petróleo forneceu à República Popular da China em Setembro, subindo 46 por cento face ao período homólogo no ano passado, suplantando a Arábia Saudita e a Rússia, de acordo com os dados divulgados pela alfândega chinesa.

Segundo os dados, citados pela agência de informação financeira Bloomberg, as importações de crude angolano pela China subiram para 4,19 mil toneladas, suplantando, além da Arábia Saudita e da Rússia, também o Iraque.

 

PUBLICAÇÃO > PONTOFINAL

REDE SOCIAL DA LUSOFONIA | PUBLICAÇÕES DE MEMBROS - EVENTOS - ANÚNCIOS CLASSIFICADOS - DIRETÓRIO DE EMPRESAS

CONTACTO

Não hesite em enviar a sua mensagem! Responderemos por email desde que possível.

Enviando
ou

Fazer login com suas credenciais

ou    

Esqueceu sua senha?

ou

Create Account