Aprovada proposta para que português seja língua oficial na ONU. Atualmente, a ONU tem seis línguas oficiais:  castelhano, inglês, mandarim, russo, francês e árabe.

Durante o fim de semana, António Guterres demonstrou publicamente a sua vontade de ver o português tornar-se uma das línguas oficias das Nações Unidas. Nem 24 horas depois, o pedido do futuro secretário-geral das Nações Unidas teve resposta, e positiva.

Marcelo Rebelo de Sousa anunciou ontem, durante a XI Cimeira da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP), a aprovação da proposta para que o português seja uma língua oficial na ONU. Explicou ainda que a proposta não consta da declaração final desta cimeira da CPLP. Foi aprovada por aclamação, e adiantou que foi feita pelo Presidente do Brasil, Michel Temer.

Antes do anúncio, questionado por jornalistas à margem da cimeira, Guterres fez questão de se mostrar a favor dessa mudança. “Naturalmente que eu próprio gostaria muito de ver isso concretizar-se, mas essas são decisões da Assembleia-Geral das Nações Unidas. E uma vez mais digo: ainda não sou secretário-geral das Nações Unidas”, acrescentou. Adiantou que se estaria a trabalhar nesse sentido: “Eu suponho que essa não é uma questão do secretário-geral, é uma questão da CPLP, dos países de língua portuguesa. Sei que existe essa aspiração, e essa é uma aspiração muito importante”.

Recorde-se que atualmente são seis as línguas oficiais da ONU:
o castelhano, o inglês, o mandarim, o russo, o francês e o árabe.

 

PUBLICAÇÃO > SOL

 

0 Comentários

Envie uma Resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

CONTACTO

Não hesite em enviar a sua mensagem! Responderemos por email desde que possível.

Enviando

REDE SOCIAL DA LUSOFONIA | PUBLICAÇÕES DE MEMBROS - EVENTOS - ANÚNCIOS CLASSIFICADOS - DIRETÓRIO DE EMPRESAS

ou

Fazer login com suas credenciais

ou    

Esqueceu sua senha?

ou

Create Account